Enter your keyword

Como fazer um bom mapeamento de competências organizacionais?

Como fazer um bom mapeamento de competências organizacionais?

Como fazer um bom mapeamento de competências organizacionais?

Toda empresa precisa ter um objetivo a ser alcançado, uma visão de futuro que guie todas as decisões tomadas no dia a dia. Para isso, é fundamental lançar mão de diferentes tipos de ferramentas que tornem o caminho mais fácil e ajudem o negócio a ser mais próspero e eficiente. Entre elas, o mapeamento de competências organizacionais merece uma atenção especial.

Por meio dele, é possível identificar as principais características que os colaboradores precisam apresentar para o atingimento das metas da empresa. Neste artigo, vamos explicar o que é o mapeamento de competências organizacionais, por que ele é tão importante e como implementá-lo em seu negócio. Fique atento e boa leitura!

O que é o mapeamento de competências organizacionais?

O mapeamento de competências é a identificação das competências organizacionais que uma empresa precisa para conseguir alcançar determinados objetivos. Ele faz parte da rotina de ações de um RH estratégico e ajuda a definir melhor os direcionamentos relacionados à gestão de pessoas.

Cada objetivo e cada empresa apresentam necessidades diferenciadas, o que impacta diretamente no mapeamento de competências. Uma organização que pretende expandir sua atuação no mercado precisa de elementos diferentes de outra que pretende melhorar a qualidade dos serviços prestados. 

 

Como funciona o método CHA?

Existem algumas formas de realizar um mapeamento de competências organizacionais, mas o método CHA é o mais utilizado por sua simplicidade e eficiência. Ele consiste na identificação de 03 elementos essenciais, que são: conhecimento, habilidade e atitude. Conheça cada um deles abaixo.

Conhecimento

O conhecimento representa o conjunto de informações necessárias para a execução de determinada tarefa ou ação. Ele pode ser adquirido ao longo da vida de uma pessoa, na escola, faculdade, cursos e, principalmente, em suas experiências pessoais e profissionais.

O ponto mais importante do conhecimento é que ele define os insumos para o cumprimento de uma determinada função. Um médico, por exemplo, precisa ter conhecimento sobre o funcionamento do corpo humano para atingir seu objetivo de cuidar da saúde das pessoas.

Habilidade

A habilidade é a capacidade de colocar os conhecimentos em prática, é o saber fazer. Nos ambientes organizacionais, é comum percebê-la nos profissionais que desempenham suas funções com maior excelência.

Ela é uma característica que pode ser desenvolvida com a ajuda de cursos e treinamentos específicos, mas também pode demandar certa aptidão nata em alguns casos. 

Atitude

A atitude é a vontade de aplicar os conhecimentos, é o que realmente faz com que as coisas aconteçam. Não basta que os profissionais tenham conhecimento e habilidade em suas funções, eles precisam estar interessados em realizar suas atividades.

Dentro das empresas, esse elemento está diretamente ligado à motivação e causa impactos significativos na qualidade do clima organizacional. 


>> Leitura recomendada: Soft Skills e Hard Skills: veja de quais habilidades sua empresa precisa


Por que é tão importante mapear as competências?

O mapeamento de competências é essencial para direcionar o plano estratégico de uma empresa, pois permite visualizar todos os elementos necessários para que os objetivos do negócio sejam alcançados.

Com isso, fica mais fácil identificar onde estão os pontos deficitários a serem tratados, quais são as competências que precisam ser desenvolvidas e quais os perfis de profissionais serão mais bem aproveitados. 

Dessa forma, a ferramenta serve como base para o RH planejar os investimentos necessários em treinamentos e cursos para os colaboradores, bem como definir melhor os requisitos das vagas nos processos seletivos. Como resultado, a empresa ganha em eficiência financeira e operacional.

Como fazer um bom mapeamento de competências organizacionais?

Como-fazer-um-bom-mapeamento-das-competências
 

Para realizar um bom mapeamento de competências organizacionais, é muito importante se atentar para alguns passos, como listamos a seguir.

Tenha os objetivos do negócio muito bem-definidos

Existe uma passagem muito famosa do livro Alice no país das maravilhas que diz que “para quem não sabe onde quer chegar, qualquer caminho serve”. A definição dos objetivos do negócio deve ser o ponto de partida do planejamento estratégico e do mapeamento de competências de uma empresa.

Cada objetivo direciona os esforços em um sentido específico, por isso é fundamental que eles sejam bem-definidos e que todos estejam cientes deles. Só depois de saber onde se deseja chegar que podemos definir qual caminho vamos seguir e o que precisaremos ao longo da jornada.

Faça um levantamento das competências necessárias

Com os objetivos em mãos, é hora de pensar nas competências que podem ajudar a alcançá-los. Essa é a parte mais delicada do processo, pois envolve muita pesquisa e análise de informações. O ideal é fazer um levantamento bastante completo, que envolva cargos de diversos níveis da organização. 

Veja algumas das competências mais requeridas nas empresas:

  • autoconhecimento;
  • facilidade de aprendizagem;
  • honestidade e credibilidade;
  • boa comunicação;
  • pensamento estratégico;
  • orientação a resultados;
  • capacidade de inovação;
  • orientação ao cliente.
 

Analise o cenário atual da sua empresa

Paralelamente ao levantamento das competências necessárias ao negócio, é interessante olhar para dentro da empresa e avaliar o cenário apresentado. Investigue as competências dos seus colaboradores, conheça-os melhor.

É um processo similar ao de se preparar para uma viagem, quando olhamos quais são os itens que temos disponíveis em casa, antes de pensar em ir em busca do que vamos precisar quando sairmos. 


>> Leitura recomendada: [E-book] Guia definitivo sobre Gestão Estratégica de RH


Identifique os pontos que demandam atuação

Com base em todos os levantamentos realizados até aqui, o próximo passo do mapeamento de competências organizacionais é cruzar a lista do que será preciso com a lista do que já está disponível e encontrar os pontos de divergência a serem tratados. Trata-se de um processo simples de entender, mas que demanda bastante atenção ao implementar.

Fique alerta para os cargos mais estratégicos, bem como aqueles que têm maior influência sobre outros, pois eles podem ser a peça-chave para o sucesso do seu negócio.

Se eles forem desenvolvidos de forma adequada, com foco nos objetivos da organização, os resultados podem ser multiplicados de forma mais ágil por todo o time, gerando ganhos para todos os envolvidos.

O mapeamento de competências é um processo longo e que deve ser revisado continuamente. É essencial avaliar os colaboradores periodicamente e mantê-los sempre alinhados às metas e estratégias da empresa. Dessa forma, você garante um negócio mais próspero, que tem tudo para se destacar cada vez mais no mercado.

Equipe Sociis RH

Sem Comentários

Comente

Seu e-mail não será publicado.