Enter your keyword

A cultura do elogio: reforce boas práticas

A cultura do elogio: reforce boas práticas

A cultura do elogio: reforce boas práticas

Atitudes que estimulam a motivação e o comprometimento das equipes são sempre incentivadas nas organizações e, cada vez mais, as empresas se conscientizam que seus recursos humanos, ou seja, as pessoas, são seu ativo mais valioso e merecem atenção especial. Canais de comunicação interna, capacitações e treinamentos, um pacote de benefícios competitivo são exemplos de ações que podem contribuir para a motivação dos funcionários, mas há uma estratégia simples e sem custo que merece mais espaço no ambiente corporativo: o elogio. Fica fácil pensar no poder de um elogio quando avaliamos como nos sentimos ao receber um. Quem é que não gosta de ser elogiado? Elogios satisfazem, engrandecem, inflam nosso ego!

Uma cultura organizacional que valoriza e estimula o elogio tem como resultado o engajamento dos profissionais em relação a suas carreiras, o que o torna uma verdadeira ferramenta estratégica no reforço de boas práticas. O elogio é válido de forma horizontal e vertical: vir de colega para colega, de colega para chefes, mas é fundamental que venha com frequência das lideranças para os liderados. A motivação vem de dentro de cada pessoa e o elogio tem esse poder de trazê-la lá de dentro. Um bom desempenho deve ser sempre elogiado, seja de forma coletiva, para a equipe, ou de forma individual. Cabe às lideranças escolherem o melhor momento e cenário para o(s) fazer(em), e são ainda mais valiosos quando são feitos em público, compartilhando com outras pessoas. É importante que o elogio seja legítimo, baseado em fatos concretos, e feito com honestidade e sinceridade, aquele olho no olho que reforça que mesmo na esfera profissional estamos lidando de ser humano para ser humano.

É claro que é importante fazer elogios apenas em momentos que eles realmente fazem sentido e há merecimento. E não se pode deixar de lado as críticas (construtivas, claro) e correções, mas isso deve ser feito sempre com cautela, em particular e escolhendo as palavras certas, para que as interações de feedback sejam sempre positivas. Esse cultivo dos elogios contribui para um ambiente de trabalho mais agradável e leve, à medida que se incentiva o reconhecimento e a gentileza.

Ao assumirem uma cultura colaborativa e que valoriza os feitos de cada um, reforça o que cada um faz de positivo, as equipes tendem a atuarem com mais engajamento e motivação, que é o que todo líder espera dos seus times. Pessoas felizes trabalham melhor e pessoas motivadas têm um propósito mais claro em relação às suas atividades profissionais. E nesse cenário os elogios são grandes impulsionadores de produtividade e, consequentemente, de resultados.

Jornalista e Relações Públicas, Colaboradora do Blog Da Sociis RH

Informações sobre a autora:

Daniella Maria
Jornalista e relações públicas,
colaboradora do blog da Sociis RH

Sem Comentários

Comente

Your email address will not be published.