Enter your keyword

Diário de uma estagiária – Ep. 06: Como lidar com seu chefe – Parte 02

Diário de uma estagiária – Ep. 06: Como lidar com seu chefe – Parte 02

Diário de uma estagiária – Ep. 06: Como lidar com seu chefe – Parte 02

Olá pessoas como estão? Espero que estejam bem.

Como combinamos no último encontro, hoje vamos falar sobre os gestores que não estão preparados.

Depois que definimos no post anterior – Diário de uma estagiária – Ep. 05: Como lidar com seu chefe – Parte 01 – o que é ser um bom líder, conseguimos falar sobre quem é apenas chefe. Realmente existem pessoas que eu tenho certeza que somente alcançaram o cargo por comodismo da empresa, de promover alguém internamente, falta de opção ou que tem aquele famoso QI (Quem Indica).

A primeira característica de quem é chefe é, com certeza, a vontade de centralizar tudo. O chefe não reconhece o trabalho feito em equipe, vê apenas o seu “esforço”, considera que por estar à frente dos processos, o mérito deve ser somente dele.

Outra característica é não deixar você trabalhar. Certa vez eu estava com muita vontade de aprender mais sobre alguns testes da minha área, então pedi a tal chefe para me deixar estudar os livros que estavam disponíveis na empresa, e posteriormente aplicá-los na prática. A resposta que eu ouvi foi a mais desanimadora do século: “Não é necessário que você o aprenda.” Oi? Se não estou aqui para aprender, estou aqui pra quê? Enfim, segui em frente pesquisando e aprendendo sozinha…

A terceira característica é a cobrança desnecessária, aquela que literalmente nos faz perder a paciência. Não estou dizendo que o líder perfeito não cobra, longe disso, estou dizendo que existem alguns chefes que fazem questão de mostrar aos subordinados “quem é que manda” e, além de cruzar os braços, cobra coisas que ele mesmo não faz.

A melhor forma de lidar com esses gestores ruins é permanecendo firme e forte em sua decisão de continuar com o curso e com seu aprendizado. Mesmo que esse gestor não esteja te dando grandes oportunidades de conhecimento, tente absorver o máximo possível. Pense também que essa é a oportunidade que você tem NO MOMENTO, e, caso não veja possibilidades de melhora no ambiente de trabalho, pode ir tentando outras enquanto ainda está lá.

Se houver oportunidade, tente conversar com os superiores do seu gestor. Não tenha medo, um estagiário tem os mesmos direitos dos outros funcionários da empresa, se você está aí, é porque precisam do seu auxílio. Não tenha medo também de denunciar assédios morais e abusos, sejam eles quais forem, pois você não pode ser menosprezado somente por ser estagiário.

E por último, busque pela conversa amigável com o mesmo, peça feedback a seu respeito e, também, apresente a sua opinião sobre ele.

Por hoje é isso meus queridos!

Grande beijo e até a próxima.

Tay.

Informações sobre a autora

Foto Tayna Blog Sociis RHTayná Ferreira

Acadêmica em Psicologia Organizacional

Sem Comentários

Comente

Seu e-mail não será publicado.