Enter your keyword

Gestão de talentos: valorizar, reconhecer e reter

Gestão de talentos: valorizar, reconhecer e reter

Gestão de talentos: valorizar, reconhecer e reter

Atrair profissionais qualificados e comprometidos para uma organização é uma tarefa que exige habilidades específicas, mas um desafio ainda maior para a área de Recursos Humanos é o de manter esses talentos na empresa. Partindo do pressuposto que as pessoas são a maior riqueza de uma empresa e, portanto, seu principal diferencial competitivo perante a concorrência, é fundamental reconhecer e valorizar os bons profissionais e criar estratégias para motivá-los e mantê-los, o que é feito por meio de um plano sólido de gestão de talentos.

Estratégias para um programa de gestão de talentos bem-sucedido garantem a base para a formação e manutenção de um time qualificado. As ações devem envolver todas as etapas, desde o processo de recrutamento e seleção, passando pela integração e treinamento dos colaboradores e, claro, a manutenção de talentos. Esta última etapa envolve ações como:

– Definição de planos de cargos, salários e benefícios

– Avaliações periódicas de desempenho, com feedbacks personalizados e construtivos

– Pesquisas de clima para avaliar o nível de satisfação interna e identificação de oportunidades de melhoria, do ponto de vista de Recursos Humanos

– Estímulo ao desenvolvimento intelectual dos funcionários, com treinamentos e programas de desenvolvimento

– Reforço constante da missão e valores da empresa e estímulo aos comportamentos mais valorizados como estratégia de alinhamento

– Estabelecimento de metas realistas (e acompanhamento de seu alcance)

É importante que as empresas deixem claro que valorizam seus funcionários e a participação direta de cada um para a obtenção de resultados e efetivamente coloquem em prática o tão falado RECONHECIMENTO. Essa valorização pode ser mostrada por canais formais de comunicação, mas também por meio de conversas face a face entre gestores e seus liderados, o que reforça o papel fundamental dos líderes na gestão de talentos nas empresas, pois são eles que lidam com as equipes no dia a dia e contribuirão para encontrar os talentos mais valiosos e os possíveis líderes de amanhã.

Recompensar os bons profissionais com benefícios financeiros (prêmios, viagens, bônus, promoções…) também são medidas importantes de gestão de talentos. Investir em capacitações também é uma forma eficaz de mostrar reconhecimento, fazendo com que os empregados se sintam valorizados, o que resulta em mais comprometimento e foco nos resultados, à medida que proporciona oportunidades de ascensão profissional. Ao desenvolver as potencialidades dos profissionais, as empresas fazem uso de seus melhores recursos e saber quem eles são é o primeiro passo para agir estrategicamente.

Jornalista e Relações Públicas, Colaboradora do Blog Da Sociis RH

Informações sobre a autora:

Daniella Maria
Jornalista e relações públicas,
colaboradora do blog da Sociis RH

Sem Comentários

Comente

Seu e-mail não será publicado.